• 2931
  • 0
  • 0
  • 0

Sapatos para pessoas com deficiências

Partilhado por Ana Duarte a 04/12/2015 - 09:27

Sobre a solução

Mathew escreveu uma carta que se tornou viral e, eventualmente, chegou às mãos do designer Tobie Hatfield, que tinha trabalhado com atletas olímpicos e paralímpicos sobre desafios similares. Os dois colaboraram por telefone e e-mail durante três anos.

Na sua carta, Matthew explicou: "A paralisia cerebral enrijece os músculos do corpo. Como resultado, eu tenho flexibilidade em apenas uma das minhas mãos o que torna impossível amarrar os meus próprios sapatos. "

Hatfield fez experiências com soluções sem cordões, como velcro, fechos, e aloquetes. Eventualmente, decidiu-se por um fecho envolvente. O fecho da Flyease abre perto do calcanhar e está ligado a uma cinta de gancho e fivela. Os utilizadores podem abrir o sapato com uma mão, tornando mais fácil para pessoas como o Matthew (e qualquer pessoa, na verdade) deslizar o pé para dentro e para fora do sapato. Há cordões que vão desde o calcanhar até à parte superior do sapato, apertando gradualmente, adicionando suporte. As sapatilhas resolveram o problema de Matthew, ajudando outros no processo.

Matthew, que naquela altura se estava a preparar para deixar o secundário e ir para a faculdade, passou a explicar o seu sonho simples para o futuro, dizendo: "O meu sonho é ir para a faculdade da minha preferência sem ter de me preocupar em ter alguém que me ate os sapatos todos os dias. "

Adaptado de: http://bit.ly/2gIu6VQ

Mais informação: http://swoo.sh/1OCRuyo
https://www.youtube.com/watch?v=TaNM_T1d1as

Esta solução não deverá mencionar o uso de drogas, químicas ou biológicas (incluíndo alimentos); dispositivos invasivos; conteúdo ofensivo, comercial ou inerentemente perigoso. Esta solução não foi validada medicamente. Prosseguir com atenção! Em caso de dúvidas, por favor consulte um profissional de saúde.

Sobre o autor

Matthew Walzer, nasceu em 1997, nos EUA, sofre de paralisia cerebral. Porque não ser capaz de atar os sapatos sem ajuda, Matthew escreveu uma carta aberta à Nike, em 2012, pedindo-lhes para fazerem sapatilhas especiais que pudesse ser capaz de as atar sozinho.

Gostar da solução
Fechar pt
Fechar