• 1706
  • 1
  • 1
  • 0

Homem desenvolve cadeira de rodas pediátrica para menino sem membros

Partilhado por Ana Duarte a 17/06/2019 - 15:23

Sobre a solução

Chance nasceu sem braços e pernas (ele não tem pernas, mas tem pés parciais e os cotos do braço).

É difícil para o menino rastejar pela casa deles e envolver-se em atividades com outras pessoas. Existem cadeiras de rodas autopropelidas, mas não existem soluções motorizadas disponíveis no mercado.

Assim, a família de Chance solicitou à caridade May We Help (uma organização que desenvolve dispositivos para aumentar o nível de autonomia das pessoas com limitações físicas).

“O seu único meio de transporte é rolar no chão ou movimentar-se como uma minhoca. Ele está sempre no chão. Seria incrível se ele pudesse subir para uma cadeira como a de Jovia que permitiria que ele saísse e saísse para caminhar, em vez de se deitar no chão o tempo todo. Seria um passo significativo em direção à independência”, explicaram.

Então, Chris Garner, da May We Help, construiu uma cadeira de rodas pediátrica motorizada, usando uma cadeira de rodas pediátrica adaptada, motor, plástico e metal.

O rapaz adquiriu este dispositivo em 2015 e, graças a ele, ele é capaz de andar independentemente no seu ambiente e participar em atividades com os seus irmãos e amigos.

Adaptado de: https://bit.ly/2WJRhrU

Esta solução não deverá mencionar o uso de drogas, químicas ou biológicas (incluíndo alimentos); dispositivos invasivos; conteúdo ofensivo, comercial ou inerentemente perigoso. Esta solução não foi validada medicamente. Prosseguir com atenção! Em caso de dúvidas, por favor consulte um profissional de saúde.

Sobre o autor

Chris Garner, dos EUA, desenvolveu uma cadeira de rodas motorizada pediátrica para Chance, um menino com sem membros que tinha três anos quando conseguiu essa solução.

Gostar da solução
Fechar pt
Fechar