• 4353
  • 1
  • 1
  • 0

Baloiço para pessoas em cadeiras de rodas

Partilhado por Ana Duarte a 11/05/2016 - 11:54

Sobre a solução

Ryan, que tem formação em engenharia mecânica, queria criar um baloiço que pudesse prender Maria e a sua cadeira de rodas de 200kgs.

"Nós mudamos um bocado de residência. Até o momento que a minha filha tinha cinco ou seis anos, Mary tinha vivido em quatro ou cinco casas diferentes. Antes de Alabama, vivemos em New York, numa uma base militar onde havia um campo de jogos que foi adaptado para deficientes motores. Aí, ela sentiu-se incluída, brincando com o seu irmão e os seus amigos. Aqui, os parques acessíveis são a 10 ou 15 milhas de distância. As crianças queriam que eu construísse um balanço no quintal e, como Mary está a crescer, ela quer fazer mais coisas na sua cadeira. No passado, nós tínhamos um baloiço modificado onde eu poderia levantá-la e colocá-la para que ela pudesse balançar. Mas ela pediu-me um baloiço onde a cadeira pudesse entrar. Então eu disse que iria fazê-lo. O meu objetivo é criar um baloiço e uma casa de brincar que Mary possa acessar, o que lhe permite chegar a um nível elevado, onde pode brincar com seus amigos ", o piloto explicou.

O pai de Mary ganhou uma subvenção do Fundo paternal de um site de pais, depois de obter a maioria dos votos na competição de paternal. Ele usou os US $ 1.000 para comprar uma tonelada de madeira, parafusos e outras peças para construir o baloiço gigante num único dia.

A cadeira de rodas de Mary pode ser encaixada na rampa e, com um pouco de impulso, desliza para trás e para frente. Irmãos e amigos podem até mesmo deslizar com ela.

"A única coisa que pode limitar Mary é a nossa imaginação. Tente não dizer ao seu filho que eles não podem fazer alguma coisa - eles podem fazer, só precisam de um pouco de ajuda. A outra coisa é, você tem que ser o advogado do seu filho. Não pode confiar em outras pessoas para fazer as coisas acontecerem. Se há algo que quer que o seu filho faça, e a tecnologia não está prontamente disponível, vá atrás dela ", o inventor observou.

Adaptado de: http://bit.ly/2lHEJe0

E você, tem alguma solução? Por favor, partilhe com a comunidade Patient Innovation!
https://www.youtube.com/watch?v=RDB4b5PF9_g

Esta solução não deverá mencionar o uso de drogas, químicas ou biológicas (incluíndo alimentos); dispositivos invasivos; conteúdo ofensivo, comercial ou inerentemente perigoso. Esta solução não foi validada medicamente. Prosseguir com atenção! Em caso de dúvidas, por favor consulte um profissional de saúde.

Sobre o autor

Ryan Nelson, dos EUA, é um piloto de helicóptero do exército que inventou, em 2015, um baloiço para a sua filha Mary, de oito anos de idade, que está em uma cadeira de rodas devido ao tipo 1 Atrofia Muscular Espinhal.

Gostar da solução
Fechar pt
Fechar