• 1943
  • 0
  • 0
  • 0

Pais arranjam cão para carregar garrafa de oxigénio da filha

Partilhado por Marie Esmenio a 20/06/2014 - 16:52

Sobre a solução

A pequena Alida foi diagnosticada com hiperplasia neuroendócrina infantil quando tinha apenas oito meses. Para os seus pais, Aaron e Debbie Knobloch, isto significava que até uma caminhada num parque seria difícil pois o equipamento era pesado para a filha transportar sozinha.

Como pais, o casal queria fazer algo para ajudar a sua filha, dar-lhe alguma independência, conseguisse andar sozinha apesar de ter que andar com um tubo no nariz.

Enquanto viam um programa de televisão sobre cães guias, aperceberam-se que um cão desses podia ser treinado para ajudar a Alida. A lista de pedidos para ter um cão guia era bastante longa e não queria tirar lugar a alguém que precisasse mais do que a Alida. Por isso, adotaram o Mr Gibbs, um golden doodle e graças ao treinador Ashleigh Kinsley, Gibbs agora comporta-se como um cão guia. Até brincam e correm juntos!

"Ele ainda está a aprender, ainda é um cão muito pequeno, brincalhão e desajeitado mas quando veste o colete de cão guia, tem um comportamento exemplar e faz muito bem a sua tarefa mesmo em público", disse o pai de Alida sobre o cão.

Adaptado de: http://dailym.ai/2jr2KVi

Esta solução não deverá mencionar o uso de drogas, químicas ou biológicas (incluíndo alimentos); dispositivos invasivos; conteúdo ofensivo, comercial ou inerentemente perigoso. Esta solução não foi validada medicamente. Prosseguir com atenção! Em caso de dúvidas, por favor consulte um profissional de saúde.

Sobre o autor

Aaron e Debbie Knobloch, do Reino Unido, têm uma filha que sofre de hiperplasia neuroendócrina infantil. Tiveram a ideia de treinar um cão para transportar a garrafa de oxigénio da criança.

Gostar da solução
Fechar pt
Fechar