• 2882
  • 2
  • 3
  • 0

Nightscout – an open source, do-it-yourself continuous glucose monitor in the Cloud

Shared by Patricia Pereira on 03/02/2015 - 17:40

Sobre a solução

John Costik, um engenheiro de software e sistemas, cujo filho Evan foi diagnosticado com diabetes tipo I em 2012, sentiu que as ferramentas que ele e a sua esposa receberam para cuidar do seu filho foram "insuficientes".
Eles perceberam que se se recolhesse a informação correta e se analisasse esta ​​corretamente poderiam fazer muito mais pelo seu filho e mantê-lo saudável.
Costik e a sua esposa receberam o DexCom G4 CGM para seu o filho em fevereiro de 2013, e depois de uma semana de deixar o seu filho na creche, perceberam que não queriam que este fosse desligado a partir dos dados provenientes da unidade de monitorização. Fora da caixa, só podem transmitir dados do sensor para a unidade de braço. Costik começou a analisar software da CGM Windows e descobriu uma maneira de se comunicar com a unidade diretamente. Escreveu uma simples aplicação Windows que entrevistou o receptor CGM a cada cinco minutos para dados e enviados os dados para um formulário do Google Docs automaticamente. Costik também criou uma aplicação iOS para usar com a sua esposa.
Em seguida, para tornar o processo mais conveniente e móvel, reduzindo a necessidade de arrastar um computador portátil com a unidade de monitoramento, Costik criou uma aplicação que trabalhou num telemóvel Android e foi ligada via USB. Como o telemóvel estava ligado ao receptor CGM, os dados poderiam ser logo enviados para a Nuvem (iCloud). Costik compartilhou o seu código para que outros o possam desenvolver mais. Nesse ponto, Costik foi contactado por Lane Desborough, cujo filho, Hayden, foi diagnosticado com diabetes tipo I em 2009. Desborough queria desenvolver um sistema semelhante ao de Costik, e através da sua colaboração formou-se a Nightscout.
A primeira plataforma Nightscout tinha um telemóvel amarrado com o DexCom CGM e os níveis de açúcar transmitidos para um iPhone. A Nightscout pega nos dados para fora da CGM, envia-os para a nuvem, a partir do qual, em seguida, podem ser visualizados em qualquer navegador web em todo o mundo e até mesmo coisas como um relógio inteligente.
Desborough desenvolveu um programa de software usando o código compartilhado de Costik e vários serviços na web de código aberto e frameworks. Em poucas semanas, Nightscout tornou-se um sistema para monitorizar remotamente os diabetes de Hayden. O código foi então partilhado num repositório GitHub, que agora inclui código para o Pebble Watch, iOS, Windows Phone, Android e outros dispositivos.

Mais informações: http://www.nightscout.info/
http://vimeo.com/109767890

Esta solução não deverá mencionar o uso de drogas, químicas ou biológicas (incluíndo alimentos); dispositivos invasivos; conteúdo ofensivo, comercial ou inerentemente perigoso. Esta solução não foi validada medicamente. Prosseguir com atenção! Em caso de dúvidas, por favor consulte um profissional de saúde.

Sobre o autor

Um grupo de engenheiros, pais, informáticos e hackers, dos EUA, que sofrem de Diabetes e/ou cuidam de alguém com esta doença, criaram um do-it-yourself (DIY) projeto chamado Nightscout e que é, essencialmente, um open source que funciona, em tempo real, e com acesso remoto a partir um monitor contínuo de glicose (CGM) de dados por meio de navegadores, smartphones, tablets e relógios Pebble.

Gostar da solução
Fechar pt
Fechar